(21) 2178-2211 ou (21) 3875-6767

Siga-me nas mídias sociais!

logo1

Psicóloga C.R.P: 18558/05

(21) 2178-2211 ou (21) 3875-6767

logo1

Psicóloga C.R.P: 18558/05

Nome Completo Idade:
E-Mail: Telefone:

Clique no botão enviar apenas se desejar contratar a avaliação, se for para sua própria conferência utilize a versão para impressão.

O guia apresentado abaixo é extraído do Manual de Diagnóstico e Estatística - IV Edição (DSM-IV) dia Associação Psiquiátrica Americana. Ele é muito utilizado por profissionais especializados em TDAH para o diagnóstico clínico. Conhecendo-o você poderá ter uma idéia de como o diagnóstico é feito e poderá suspeitar do mesmo ao "aplicar" os critérios abaixo em alguém que você conhece.

O questionário abaixo é denominado ASRS-18 e foi desenvolvido por pesquisadores em colaboração com a Organização Mundial de Saúde. Esta é a versão validada no Brasil.

                                                                         

                                                                                                  PARTE A

 

SITUAÇÕES RESPOSTA
01.  Com que freqüência você comete erros por falta de atenção quando tem de trabalhar num projeto chato ou difícil?.
02. Com que freqüência você tem dificuldade para manter a atenção quando está fazendo um trabalho chato ou repetitivo?
03. Com que freqüência você tem dificuldade para se concentrar no que as pessoas dizem, mesmo quando elas estão falando diretamente com você?
04.  Com que freqüência você deixa um projeto pela metade depois de já ter feito as partes mais difíceis?
05. Com que freqüência você tem dificuldade para fazer um trabalho que exige organização?
06. Quando você precisa fazer algo que exige muita concentração, com que freqüência você evita ou adia o início?
07. Com que freqüência você coloca as coisas fora do lugar ou tem de dificuldade de encontrar as coisas em casa ou no trabalho?
08. Com que freqüência você se distrai com atividades ou barulho a sua volta?
09. Com que freqüência você tem dificuldade para lembrar de compromissos ou obrigações?
01. Com que freqüência você fica se mexendo na cadeira ou balançando as mãos ou os pés quando precisa ficar sentado (a) por muito tempo?
02. Com que freqüência você se levanta da cadeira em reuniões ou em outras situações onde deveria ficar sentado (a)?
03. Com que freqüência você se sente inquieto (a) ou agitado (a)?
04.Com que freqüência você tem dificuldade para sossegar e relaxar quando tem tempo livre para você?
05. Com que freqüência você se sente ativo (a) demais e necessitando fazer coisas, como se estivesse “com um motor ligado”?
06. Com que freqüência você se pega falando demais em situações sociais?
07. Quando você está conversando, com que freqüência você se pega terminando as frases das pessoas antes delas?
08. Com que freqüência você tem dificuldade para esperar nas situações onde cada um tem a sua vez?
09. Com que freqüência você interrompe os outros quando eles estão ocupados?

Como avaliar:

Se os itens de desatenção da parte A (1 a 9) E/OU os itens de hiperatividade-impulsividade da parte B (1 a 9) têm várias respostas marcadas como FREQUENTEMENTE ou MUITO FREQUENTEMENTE existe chances de ser portador de TDAH (pelo menos 4 em cada uma das partes).
O questionário ASRS-18 é útil para avaliar apenas o primeiro dos critérios (critério A) para se fazer o diagnóstico. Existem outros critérios que também são necessários.

IMPORTANTE: Não se pode fazer o diagnóstico de TDAH apenas com os sintomas descritos na tabela! Veja abaixo os demais critérios.

CRITÉRIO A: Sintomas (vistos na tabela acima)

CRITÉRIO B: Alguns desses sintomas devem estar presentes desde precocemente (antes dos 7 anos) e serem crônicos, isto é, durarem mais do que 6 meses. Isso ocorre?

SimNão

CRITÉRIO C: Existem problemas evidentes causados pelos sintomas acima em pelo menos 2 contextos diferentes (no trabalho e/ou na faculdade, na vida social, no relacionamento conjugal e/ou familiar). Isso ocorre?

SimNão

CRITÉRIO D: Há problemas evidentes na vida escolar, social ou familiar por conta dos sintomas?

SimNão

CRITÉRIO E: Existe um outro problema (tal como depressão, deficiência mental, psicose etc), os sintomas podem ser atribuídos à ele?

SimNão